Cais de barcaça e dolphins do Terminal Salineiro de Areia Branca passarão por reforma

O Terminal Salineiro de Areia Branca (TERSAB) vai passar pela reforma do cais de barcaça e dos dolphins* 2, 3 e 4. As obras terão início em agosto a um custo de cerca de R$ 22 milhões. O Porto Ilha tem recebido uma série de investimentos, que garantem agilidade e ampliação da sua capacidade operacional, com o objetivo de elevar a produtividade da exportação do sal produzido no Rio Grande do Norte.

Recentemente, a CODERN também investiu R$ 5,2 milhões na compra de um novo trator de esteira, uma empilhadeira e uma pá carregadeira, para substituir os antigos equipamentos e otimizar a movimentação no TERSAB, oferecendo também melhores condições de trabalho aos funcionários, que já estão utilizando os novos maquinários.

As melhorias são parte da visão estratégica da CODERN para contribuir com o desenvolvimento econômico do Rio Grande do Norte e do Brasil, fortalecendo a indústria salineira, geradora de emprego e renda.

*Dolphins são estruturas metálicas para amarração dos navios que carregam o sal no TERSAB e o transporta para o exterior (exportação) ou para consumo interno (cabotagem).

Reunião do Diretor Técnico-Comercial, Francisco Mont’Alverne, técnicos da CODERN e da CEJEN, empresa que vai executar as obras.