Presidente interino da CODERN assina portaria de implantação do Plano de Cargos dos servidores

O Diretor-Presidente interino da Companhia Docas do Rio Grande do Norte (CODERN), Hanna Yousef Emile Safieh, assinou na tarde desta sexta-feira (15), uma portaria implantando o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) dos servidores, após aprovação pelos órgãos superiores e liberação da Secretaria de Portos da Presidência da República.

A Gerência Administrativa da CODERN já foi determinada a adotar as providências necessárias, resguardando um prazo de 60 dias aos servidores para a adesão, bem como o direito dos que desejarem permanecer no Plano em extinção.

O PCCS foi aprovado pelo Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (DEST) no último dia 05. Após chegar à CODERN, foi formada uma comissão de acompanhamento para a implantação do PCCS, contando com a participação do Sindicato dos Trabalhadores Portuários. A Diretoria detectou a necessidade de pequenos ajustes no que foi aprovado para os trabalhadores de cargos de nível fundamental e dos guardas portuários, que contou com a concordância dos representantes da classe trabalhadora, e já teve solicitações encaminhadas ao órgão responsável.

A luta pela implantação do PCCS foi iniciada na primeira gestão (2007-2012) do ex-diretor-presidente, Emerson Fernandes Daniel Júnior. Teve sua aprovação pelo Conselho Administrativo (CONSAD) somente em setembro 2014, já na segunda gestão de Emerson, servidor de carreira da empresa, que se dedicou com afinco para a importante conquista.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Portuários, Silvano Barbosa, comemora a implantação do PCCS: “É uma conquista importante que dividimos com todos os trabalhadores portuários”.

z